quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

CBF divulga chaveamento e jogos da primeira fase da nova Copa do Brasil

Torneio terá 86 clubes ao todo, sete fases mata-mata e vai do dia 3 de abril até 27 de novembro. Sorteio denifirá confrontos depois das oitavas de final


A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta quinta-feira o chaveamento e os primeiros jogos da Copa do Brasil 2013, que inaugura um novo formato de disputa este ano. Ao todo, serão 86 clubes no torneio, que vai do dia dia 3 de abril até 27 de novembro e terá sete fases mata-mata. A competição será interrompida no mês de junho, para a Copa das Confederações, e também não tem jogos previstos para o mês de setembro. A tabela completa será divulgada pela entidade na próxima segunda-feira.

1ª fase: dias 3, 10, 17 e 24 de abril
2ª fase: dias 1, 8, 15 e 22 de maio
3ª fase: dias 3, 10, 17 e 24 de julho
4ª fase: dias 21 e 28 de agosto
5ª fase: dias 23 e 30 de outubro
6ª fase: dias 6 e 13 de novembro
7ª fase: dias 20 e 27 de novemrbo

As equipes brasileiras que estão na Libertadores - Grêmio, Fluminense, Corinthians, Atlético-MG e Palmeiras - entrarão automaticamente nas oitavas-de-final, com a exceção do São Paulo, que no segundo semestre vai defender o título da Copa Sul-Americana. Na vaga do time paulista estará o Vasco, time mais bem colocado no Brasileirão 2012 depois dos classificados para o torneio continental. Quando essas equipes entrarem no torneio, haverá um sorteio para definir um novo chaveamento até a final.

Ainda restam três clubes para completarem a lista de participantes: um do Rio de Janeiro e outro do Rio Grande do Norte - que serão definidos pela posição no Ranking Nacional de Clubese -, e a última vaga será disputada entre os segundos representantes do Acre e do Espírito Santo.

Jogo dos pernambucanos na primeira fase: 

 Santa Cruz x Guarani Juazeiro-CE
Sport x Vitória da Conquista-BA
Náutico x CRAC-GO

Via: Globo Esporte

PÓS-JOGO: FEIRENSE X SANTA CRUZ - NORDESTÃO 2013

Tricolor quebra o tabu de vitórias fora de casa e agora só precisa de um empate, nas duas próximas rodadas, para garantir sua vaga

Não foi desta vez que o Santa Cruz apresentou um bom futebol na Copa do Nordeste. Mas o resultado veio e, na prática, isso é o que importa. A vitória por 1 a 0 sobre o Feirense, em Feira de Santana-BA, foi um passo importantíssimo rumo à classificação para a próxima fase. Com nove pontos ganhos, o Tricolor precisa apenas de um empate nas duas próximas rodadas para garantir sua vaga. O jogo seguinte da equipe coral é contra o Campinense, líder do grupo e já classificado, sábado, no Arruda.


Desde o início, ficou claro que o Santa Cruz não teria a mesma facilidade encontrada na última partida, no Arruda. O Feirense, mesmo sendo uma equipe nitidamente limitada tecnicamente, tomou a iniciativa do jogo e tentava descer para o ataque de maneira organizada. Nos primeiros minutos, o Tricolor também tentou algumas jogadas, sempre pelos pés de Natan, mas não conseguiu abrir o placar.

As dificuldades vistas nos outros jogos permaneceram, o que dá uma sensação que o Santa Cruz pouco evoluiu desde o início da Copa do Nordeste. O lateral direito Marquinho sentiu bastante a falta de ritmo de jogo, errando passes e cruzamentos. Além disso, ele não conseguiu um bom entendimento com Paulo César, que caía por aquele lado. Os dois não tramaram nenhuma boa jogada.

Diante de um Santa Cruz sem poder ofensivo, o Feirense se animou e chegou mais ao ataque, aproveitando-se, também, dos vacilos da marcação coral. Foi a vez de Tiago Cardoso aparecer. Ele teve que trabalhar e salvar o Tricolor, pelo menos, em duas chances claras que o time da casa teve. Assim, garantiu o 0 a 0 no primeiro tempo.

O segundo tempo teve a mesma levada sonolenta da etapa anterior. O Feirense teve leve vantagem nos primeiros minutos, mas esbarrou nas suas limitações e em Tiago Cardoso, que voltou a salvar o Santa Cruz. O Tricolor continuava dependendo unicamente de Natan, já que Renatinho foi peça completamente nula em campo. O camisa 10 pode ser criativo, mas não é um definidor.

O Santa Cruz não fazia uma boa partida. Longe disso. Mas na única jogada que conseguiu acertar, fez o seu gol. Aos 36 minutos, Tiago Costa acertou o cruzamento da esquerda - durante todo o jogo ele não havia sido bem sucedido em nenhuma tentativa - e Danilo Santos, que havia entrado há pouco tempo, tocou de cabeça, aparecendo bem no meio da zaga do Feirense. Foi a primeira chance dele na partida.

Poucos minutos antes do gol de Danilo Santos, Marcelo Martelotte havia tirado Renatinho e colocado Sandro Manoel. Parecia ter se dado por satisfeito com o placar de 0 a 0. Seria o resultado mais justo, já que nenhuma das equipes se sobressaiu o suficiente para merecer a vitória. Ou seja, se com o empate o treinador já havia fechado a equipe, com a vantagem o fez ainda mais. E conseguiu segurar o 1 a 0 até o apito final do árbitro.

Ficha do jogo

Santa Cruz

Tiago Cardoso; Marquinho (Éverton Sena), Vágner, César e Tiago Costa; Anderson Pedra, Luciano Sorriso, Natan e Renatinho (Sandro Manoel); Paulo César e Philco (Danilo Santos). Técnico: Marcelo Martelotte

Feirense

Pedro Henrique, Edcarlos, Motta, Joadson e Flávio (Éverton); Ananias, Roberto, Reivan e Cristiano (Sheldon); Jaiminho e Sassá (Dadai).Técnico: Duzinho.

Estádio: Joia da Princesa (Feira de Santana-BA). Árbitro: Antônio Dib Moraes de Sousa (PI). Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Eric Nunes Costa (SE). Gol: Danilo Santos. Cartões amarelos: Sassá, Cristiano. Público e renda: não divulgados.

FONTE: Super Esportes

SANTA CRUZ x CAMPINENSE/PB: INGRESSOS À VENDA A PARTIR DESTA QUINTA (31)

Estarão à venda, a partir das 9 horas desta quinta-feira (31), os ingressos do jogo Santa Cruz x Campinense/PE, que acontece no próximo sábado (02), válido pela 5ª Rodada da Copa do Nordeste.

A Diretoria Coral mantém os mesmos preços praticados nos jogos anteriores. Confira:

Arquibancada Inferior: R$ 30,00

Arquibancada Inferior (atrás dos gols): R$ 15,00

Arquibancada superior: R$ 10,00

Estudante, sócio e conselheiro:
R$ 15,00

Cadeiras:
R$ 60,00

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Dênis Marques aparece, mas não treina

A reapresentação do jogador deveria ter acontecido no treino da manhã, desta ultima terça-feira, entretanto o atacante não apareceu no arruda. A assessoria de imprensa do Santa tentou explicar a ausência de Dênis, dizendo que ele iria participar do treino pela parte da tarde, juntamente com os outros membros da equipe que não foram selecionados para o jogo desta quarta-feira.


O atacante chegou a comparecer a tarde, mas não treinou. Dênis Marques deixou alguns materiais com funcionários do clube e deixou o arruda sem dar declarações a imprensa.

Mesmo com Martelotte declarando que quer contar com o jogador o mais rápido possível, Constantino Júnior, diretor de futebol do Santa, fala que ainda não há data exata para o atacante começar a treinar.

- O Dênis não tem previsão para treinar. Estávamos esperando que ele entregasse os seus exames médicos para só então poder iniciar as atividades. Ao que me parece, ele deixou hoje (terça-feira) no Arruda. Mas eu não sei quando ele inicia os treinamentos com todos.

No dia que foi reapresentado a torcida, o jogador tinha afirmado que iria voltar a treinar normalmente nesta terça. E que precisaria de 10 dias para ter condições de jogo.

PRÉ-JOGO: FEIRENSE X SANTA CRUZ - NORDESTÃO 2013

Hoje a noite o Santa Cruz enfrenta a equipe do Feirense no Joia da Princesa, no jogo anterior a equipe coral bateu a equipe baiana por dois tentos a zero, passando de ter aplicado uma sonora goleada, mas a equipe teve muitos gols perdido, ao fim do jogo a equipe coral saiu vaiada de seus torcedores, um dos motivos das vaias ocorreu porque a equipe do Feirense jogava com menos dois jogadores, foram expulsos o técnico Duzinho terá dois desfalques: o goleiro Naldo foi expulso no jogo do Arruda não joga – a segunda no Nordestão – e o volante Leandro que também tomou cartão vermelho. Para as posições, Duzinho deve acionar o goleiro Pedro e pelo volante Flávio, respectivamente.
 O Santa Cruz deve vir sem surpresas, apenas a confirmação de Marquinho na lateral direita, já que no jogo passado ele entrou no lugar de Everton Sena durante a partida, e Caio Taveira que figura entre os reservas pela primeira vez.

Provável escalação do Feirense: Pedro; Edcarlos, Mota, Joadson e Djavan; Flávio, Ananias, Roberto e Tite; Dadai e Jaiminho.

Provável escalação do Santa Cruz: Tiago Cardoso; Marquinho, César, Vagner e Tiago Costa; Anderson Pedra, Luciano Sorriso, Natan e Renatinho; Paulo César e Philco.



terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Martelotte confirma time do Santa para jogo contra o Feirense-BA

A escalação terá uma única mudança, definida no treino desta terça-feira: Lateral-direito Marquinho terá primeira chance como titular

O Santa Cruz fez o último treino antes da  partida contra o Feirense-BA, nesta quarta-feira, em Feira de Santana e o técnico Marcelo Martelotte definiu o time para a partida. Em apenas 15 minutos de treinamento tático, o treinador escalou os 11 titulares em uma movimentação que não teve um time reserva como adversário. Só os que começarão o jogo trabalharam insistentemente o posicionamento.

A única novidade em relação à equipe que bateu o mesmo Feirense na última rodada, no Arruda, é o lateral-direito Marquinho, que vai ter sua primeira chance na equipe titular. O jogador só está preocupado com a falta de ritmo.

- Acho que o tempo que eu fiquei parado só atrapalha um pouco no ritmo de jogo. Mas ao desenrolar da partida, eu vou me soltando. Dentro de campo, vou dar o meu máximo. Venho me esforçando nos treinamentos e fico feliz com a oportunidade que o treinador vai me dar.

Desta maneira, o zagueiro Everton Sena, que vinha sendo improvisado na posição,  volta para o banco de reservas. Assim, sem segredos, o Santa Cruz vai à campo com: Tiago Cardoso; Marquinho, César, Vágner e Tiago Costa; Anderson Pedra, Luciano Sorriso, Natan e Renatinho; Paulo César e Philco.

Esperado nesta terça-feira pela manhã, o atacante Dênis  Marques não apareceu no Arruda. Seria o primeiro treino do atacante com o atual elenco. Nem a diretoria e nem a assessoria de imprensa do clube souberam explicar, inicialmente, o motivo da ausência do camisa 9. Mas depois veio a informação de que o atacante se apresentaria no período da tarde.

Entre os relacionados para o jogo, a principal novidade é o meia Caio Tavera, que foi o último contratado do atual elenco. O volante Léo ainda é ausência. Confira abaixo a lista de relacionados:
 
Goleiros - Tiago Cardoso e Fred
Laterais  - Marquinho e Tiago Costa
Zagueiros - Everton Sena, Vágner, César Lucena e William Alves
Volantes - Anderson Pedra e Sandro Manoel
Meias - Luciano Sorriso, Caio Tavera, Natan e Renatinho
Atacantes - Flávio Caça-Rato, Danilo Santos, Philco e Paulo César


Via: Globo Esporte

Santa Cruz anuncia patrocínio da Magazine Luiza


O Santa Cruz anunciou seu mais novo contrato de patrocínio. Na tarde da última segunda-feira, o time pernambucano fechou com a rede de varejo Magazine Luiza, que estampará a sua marca na parte de trás da camisa do time, acima da numeração.O contrato foi assinado no Auditório Aristófanes de Andrade, na sede social do clube pelo presidente do time, Antônio Luiz Neto, e pelo diretor-superintendente da rede Magazine Luiza, Marcelo Silva. 



"A Magazine Luiza é uma empresa destinada a todas as classes sociais, assim como o Santa Cruz.Será uma forma de vincularmos cada vez mais o nome da Magazine Luiza ao Estado de Pernambuco, que tão bem nos acolheu na nossa chegada ao Nordeste", disse Marcelo Silva.


O presidente do clube, Antônio Luiz Neto, acrescentou: "Foi uma negociação importante para o Santa Cruz, à medida em que estamos fazendo uma parceria com uma grande rede nacional".
No fim de 2012, a Magazine Luiza já havia fechado com outros dois clubes do Nordeste. Bahia e Vitória assinaram contratos idênticos com a varejista para estampar a barra e calção de seus uniformes. O contrato da empresa com os baianos vai até o fim da temporada 2013. 

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

SORTEIO DE ANIVERSÁRIO - SANTACRUZ STORE e Blog da Cobra Coral

Há 99 anos atrás, no dia 03 de Fevereiro de 1914, no largo da Igreja de Santa Cruz no bairro da Boa Vista em Recife/PE, onze meninos se juntavam para fundar o Santa Cruz Futebol Clube. Para a enorme nação Tricolor, o Santa Cruz não é apenas um clube pelo qual torcer, não é apenas uma bandeira a se levantar, não é apenas uma Camisa a se vestir, é um amor a se viver.



E para comemorar esta data tão importante e querida, o Blog da Cobra Coral vai sortear duas camisas oficiais do Mais Querido!

Para participar é muito simples, é só seguir a página da SantaCruzStore no Facebook e responder aqui os comentários quem é O AUTOR da célebre frase:

"O SANTA CRUZ NASCEU E VAI VIVER ETERNAMENTE!"

Junto à resposta, o participante deve deixar também seu nome completo, e o link do seu perfil no Facebook. O resultado dos ganhadores será anunciado na próxima Sexta-feira (01/02), às 19:00h.

Não perca tempo, participe dessa grande promoção!

Esta é uma homenagem do Blog da Cobra Coral aos mestres: Quintino Miranda Paes Barreto, José Luiz Vieira, José Glacério Bonfim, Abelardo Costa, Augusto Flankin Ramos, Orlando Elias dos Santos, Alexandre Carvalho, Oswaldo dos Santos Ramos e Luiz de Gonzaga Barbalho Uchôa Dornelas Câmara, fundadores do maior amor de nossas vidas!

Técnico do Santa Cruz aprova renovação de DM9

O técnico Marcelo Martelotte gostou da renovação do atacante Dênis Marques com o Santa Cruz. O jogador, que foi artilheiro do Pernambucano e da Série C do ano passado, volta para disputar uma vaga no ataque com Philco, Paulo César, Flávio Caça-Rato e Danilo Santos, atletas que ainda não agradaram à torcida.
“É um grande reforço. É um jogador que vem para suprir uma necessidade que temos. Ele já tem história no clube, mas vai ter que passar por um processo de preparação, de retomada de ritmo do futebol nos treinos. Vamos avaliar quando ele terá condições de entrar em campo”, disse o treinador.
Apesar de não deixar claro, o Santa Cruz pode ir em busca de mais reforços para esta temporada. “A gente sempre precisa de mais, sempre procuramos uma melhora. Mas nem sempre essa necessidade é de contração. Estamos sempre conversando com a diretoria sobre isso. Em caso de necessidade e possibilidade, vamos tentar”, finalizou.

Tricolores entendem vaias dos torcedores


As vaias da torcida, após o jogo do Santa Cruz contra o Feirense/BA, mesmo com a vitória, foram compreendidas pelo elenco e pelo técnico, Marcelo Martelotte. Com dois jogadores a mais, os torcedores esperavam uma goleada e um bom futebol, situações que não aconteceram.
“O torcedor está no direito dele. Ele veio para ver futebol e ver gols. E, viram que a equipe não correspondeu nesse sentido. Em termos de placar não correspondemos às expectativas”, disse o comandante tricolor.
O meia, Luciano Sorriso, que começou jogando e teve uma boa atuação, concordou com o técnico e com a reação da torcida. “O torcedor tem razão. Até porque eles querem o clube grande. A torcida do Santa Cruz vai cobrar sempre. Talvez essas vaias sejam pela desconfiança ainda com o time, mas é normal. Num futuro próximo vamos quebrar essa desconfiança e, quem sabe, na próxima oportunidade sejamos ovacionados”, afirmou o jogador.

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

MARTELOTTE QUER A VITÓRIA DIANTE DA TORCIDA.

Martelotte deve mudar algumas peças para o jogo contra o Feirense
Após a difícil derrota para o Campinense o Santa Cruz junta os cacos para enfrentar o lanterna de seu grupo, o Feirense que tem apenas um ponto conquistado na estréia, o Santa Cruz é o 3ª colocado de seu grupo com 3 pontos e o CRB é o 2ª também com 3 pontos e saldo de gol positivo +1.
Agora, diante da sua torcida o Santa Cruz quer tirar a má impressão do jogo passado e voltar a zona de classificação de seu grupo, a partida é neste sábado(26) no Arruda ás 16h horário de Pernambuco.

- Temos que pensar jogo a jogo e por ser na nossa casa, precisamos ganhar. Temos que confirmar a vantagem de jogar diante da nossa torcida e ganhando, naturalmente voltamos a disputar a liderança. Precisamos de padrão, seja fora ou dentro do Arruda - Disse Martelotte em entrevista cedida a Globo.com

  Martelotte ainda deve fazer algumas alterações na equipe, Everton Sena deve ser sacado da equipe para a entrada de Marquinhos que espera a sua estréia, e Paulo Cesár que deve ser titular no lugar de Flávio Caça-Rato.

 - Estamos sempre observando, seja nos jogos ou nos treinamentos. A reação dos atletas nas partidas são avaliadas e buscaremos soluções para sábado. - Completou Martelotte.


PRÉ-JOGO: Santa Cruz x Feirense - Nordestão 2013


Neste sábado o Santa Cruz enfrentará o atual lanterna do grupo D, o jogo acontecerá no Recife e existe uma grande pressão pela vitória, já que o time foi irreconhecível na rodada passada. 

Usando uma metodologia diferente das rodadas anteriores, o técnico Marcelo Martelotte não divulgou o time titular. Tudo indica que o treinador fará mudanças na equipe, devido a derrota acachapante sofrida para o Campinense. Existem especulações de que o treinador pode escalar Marquinhos, Luciano Sorriso e Paulo César na equipe principal.

Já o Feirense, vem ao Arruda com o interesse de conquistar sua primeira vitória. Na rodada passada o 'tricolor do sertão' foi derrotado pelo CRB com o placar de 3 x 1, no estádio Rei Pelé, em Maceió.
Data Horário Estádio Cidade
26/01/2013 17:00 Arruda Recife
Arbitro GLEYSTO GONÇALVES DA SILVA (CE)
Arbitro Assistente 1 MARCOS A DA SILVA BRIGIDO (CE)
Arbitro Assistente 2 ANDERSON SILVEIRA RIBEIRO (CE)
Quarto Arbitro GILBERTO FREIRE DE FARIAS (PE)
Assessor ERICH BANDEIRA (PE)

Prováveis escalações:
Santa Cruz: Tiago Cardoso; Marquinhos, César, Vágner e Tiago Costa; Anderson Pedra, Sandro Manoel, Luciano Sorriso e Renatinho; Paulo César e Philco. Técnico: Marcelo Martelotte.

Feirense: Henrique, Edicarlos, Motta, Jadson e Djavan; Leandro, Ananias, Roberto e Cristiano; Dadai  e Jaiminho. Técnico: Enaldo Oliveira. 

PRESIDENTE ALN CONFIRMA A VOLTA DE DÊNIS MARQUES

Nesta tarde de sexta-feira (25), o Presidente Antônio Luiz Neto colocou um ponto final em um dos assuntos mais comentados nos últimos dias: a volta de Dênis Marques ao Bicampeão PE, ao oficializar o acerto com o Predador Coral por mais uma temporada.


O jogador que está em Maceió/AL, já externou sua alegria em poder voltar a vestir a camisa Coral pela segunda vez. “Alô, massa Tricolor, Denis Marques tá de volta, ‘tamo junto e misturado’. Espero a presença de vocês lá [jogo Santa Cruz x Feirense/PB] e, de repente, eu apeço lá. Um abraço, fica com Deus. ‘Tamo junto e misturado’ mais uma vez”, falou DM9 da sua casa, em Maceió/AL, atrevés de um vídeo gravado pelo Diretor de Futebol, Constantino Júnior, e postado no Facebook e Twitter 
pessoal de Tininho.

Em 2012, Dênis Marques foi o artilheiro Coral da temporada com 27 gols, sendo 15 no Pernambucano – acabou artilheiro -; 1 na Copa do Brasil e mais 11 pela Série C, sendo também artilheiro do Brasileiro atuando apenas na 1ª Fase. Segundo o Diretor de Futebol, Constantino Jùnior, “Dênis Marques está voltando com contrato até o final da Série C 2013″, disse.

Via: Site Oficial

Santa Cruz terá novo patrocinador na camisa

O Santa Cruz começa 2013 com novo patrocinador na camisa. Na próxima segunda-feira haverá coletiva para o anúncio oficial da parceria do Tricolor com a Magazine Luiza. A nova camisa, já com a logomarca da empresa, será apresentada também na segunda no auditório da sede social do Santa Cruz, a partir das 19h.

Via: Blog do Torcedor 

Mudança à vista no time coral

Marcelo Martelotte deve fazer alterações na lateral, no meiocampo e no ataque diante do Feirense.

Após a vitória na estreia sobre o CRB, o técnico Marcelo Martelotte avisou que manteria o time titular para o jogo seguinte, diante do Campinense. A justificativa dele é que, dessa maneira, poderia dar entrosamento à equipe. Mas a derrota por 3 a 0 deve fazer o treinador mudar os planos. É muito provável que o comandante, enfim, troque algumas peças para o confronto de amanhã, com o Feirense, no Arruda.

As mudanças devem ser pontuais, mas vitais para corrigir problemas apresentados pelo time mesmo na vitória de estreia e principalmente na derrota no jogo passado. As alterações feitas por Martelotte contra o Campinense dão uma mostra do que ele pode fazer na equipe para enfrentar o Feirense. O volante Luciano Sorriso, o lateral direito Marquinho e o atacante Paulo César são fortes candidatos à titularidade.

Com isso, correm o risco de deixar a equipe Natan, Éverton Sena e Flávio Caça-Rato. Tudo vai depender da postura tática que o treinador quiser dar ao time. Com Sorriso, por exemplo, a equipe ficaria mais cautelosa e não perderia criatividade. Apesar de ser um volante, ele tem qualidade na saída de bola, ao mesmo tempo em que recompõe bem, o que liberaria Renatinho da obrigação de marcar.

Na lateral direita, o problema é crônico. Está muito claro que Éverton Sena não tem a menor intimidade com a função. Ele é fraco no apoio e perdido na marcação. Além disso, tem muito mais qualidade como zagueiro e tem condições até de ficar com a vaga de César ou Vágner. A entrada de Marquinho no time titular vem sendo adiada por conta das condições físicas do jogador, que estava há sete meses parado.


No ataque, Paulo César foi contratado para ser titular, mas está passando por um processo de readaptação, após mais de dez anos no futebol europeu. Ele foi acionado no segundo tempo do jogo com o Campinense, mas, assim como todo o time, não se destacou. A insatisfação de Martelotte com Caça-Rato, porém, está clara. O atacante foi substituído nas duas partidas que disputou.
Pesa contra Martelotte a completa falta de tempo para treinar uma nova formação. Ontem, o time fez apenas um regenerativo ainda em Campina Grande e depois retornou ao Recife. Hoje pela manhã, no Arruda, fará o único treinamento antes da partida com o Feirense, quando as possíveis mudanças no time devem ser observadas.

Os candidatos a ganhar uma vaga

Marquinho quem sai: Éverton Sena

Deve ganhar a posição pelo simples fato de ser original da posição. Pesa contra ele, porém, a preparação física deficitária com relação aos demais companheiros. Essa fase, contudo, deve ser atropelada e o jogador, acionado no segundo tempo do jogo com o Campinense, alçado ao time titular

Luciano Sorriso quem sai: Natan

Logo quando chegou, foi utilizado no time titular. Mas na estreia do time, Martelotte optou por Natan, até mesmo porque o volante se recuperava de uma entorse no tornozelo. Totalmente recuperado, foi utilizado nos dois últimos jogos. É a opção à disposição do treinador para reforçar a marcação sem perder qualidade no meio-campo

Paulo César quem sai: Flávio Caça-Rato

É um atacante de mobilidade, justamente a posição de Caça-Rato, que não vem sendo produtivo para o time. Paulo César chegou para ser titular, mas a entrada dele foi adiada porque Martelotte queria reforçar o entrosamento da equipe. Sem efetividade no ataque, a opção pela mudança é inevitável

Via: Super Esportes

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Santa Cruz é goleado pelo Campinense


Com poucas oportunidades, Campinense aproveitou bobeira da defesa
O início da partida foi dos donos da casa. Apesar da forte marcação, o Campinense pressionou o Santa Cruz nos minutos iniciais, sempre com jogadas pelas laterais. Aos 10 minutos, Bismark fez uma boa jogada pela esquerda, cruzou para Tiago Granja, que chutou em cima do zagueiro César. A resposta tricolor foi no lance seguinte. Pela direita, Natan cruzou e Philco, sozinho, cabeceou para a defesa do goleiro Pantera.
Com o passar do tempo, Raposa foi gostando do jogo e a torcida se animando. O camisa 10, Bismark, era o principal homem na criação das jogadas rubro-negras. Enquanto o Santa Cruz tentava diminuir o ritmo e tocar a bola.
O jogo seguia preso e com muita marcação. Até que aos 33 minutos, o Campinense abriu o placar. Após cruzamento pela esquerda, Tiago Cardoso bateu cabeça com a defesa, a bola acabou sobrando para Tiago Granja, que com o gol aberto, só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes. Em vantagem no marcador, foi a vez da Raposa trocar passes e esperar pelo fim da primeira etapa
Início avassalador da Raposa
Na volta do intervalo a história se repetiu. O Campinense partiu para cima no início e logo ampliou a vantagem. Aos 4 minutos, a Raposa chegou pelo lado direito e após cruzamento, Gleibson completou para o gol. O tento sofrido abalou o Santa Cruz, que por pouco, não sofreu outro. Bismark chutou de fora da área e obrigou Tiago Cardoso a fazer uma grande defesa.
Com a pressão dos donos da casa, o terceiro gol era questão de tempo. Aos 12 minutos, o meia Bismark cobrou uma falta da esquerda e Edvânio desviou de cabeça, no canto de Tiago Cardoso, que nada pôde fazer.
O técnico Marcelo Martelotte tentou mudar o panorama da partida, mas as três substituições não surtiram efeito. Muito por culpa do próprio comandante, que além da mudança de peças, alterou também a formação tática por três vezes. Primeiro foi Sorriso na vaga de Caça-Rato, deixando apenas Philco no ataque. Depois foi Paulo César no lugar de Renatinho, voltando a atuar com dois homens na frente. E, por último, Marquinho entrou para a saída de Sandro Manoel. Fazendo com que Everton Sena saísse da lateral e fosse para o meio-campo.
Sem forças para reagir, o Santa Cruz teve de ouvir os gritos de “olé” da torcida do Campinense. Aos 46 minutos, uma queda de energia em parte dos refletores do Estádio Amigão, obrigou o árbitro encerrar a partida.
Campinense/PB
Pantera; Tiago Granja, Edvânio, Roberto Dias e Panda; Wellington, Gleibson (Bruno de Jesus), Dedé e Bismarck (Rafael Cearense); Zé Paulo (Selmir) e Jefferson Maranhão. Técnico: Oliveira Canindé
Santa Cruz
Tiago Cardoso; Everton Sena, Vágner, César e Tiago Costa; Anderson Pedra, Sandro Manoel (Marquinho), Renatinho (Paulo César) e Natan; Flávio Caça-Rato (Luciano Sorriso) e Philco. Técnico: Marcelo Martelotte
Local: Estádio Amigão, em Campina Grande. 
Árbitro: Mayron dos Reis (MA). Assistentes: Geison Mendes e Carlos André Pereira (MA).
Cartões Amarelos: Sandro Manoel e Everton Sena (Santa Cruz)
Gols: Tiago Granja (aos 33 do 1°/T), Gleibson (aos 4 do 2°/T) e Edvânio (aos 12 do 2°/T)

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

PRÉ-JOGO: Campinense x Santa Cruz - Nordestão 2013

O Santa enfrenta hoje um dos seus maiores desafios na fase de grupos do Campeonato do Nordeste 2013, o time viajou para Campina Grande para enfrentar o Campinense pela defesa da liderança do Grupo D.

O técnico Coral, Marcelo Martelotte, não fez mistério e resolveu manter a escalação inicial da estreia. Apostando na boa apresentação do time no jogo contra o CRB no Arruda,para dar ritmo de jogo aos atletas. Uma vitória deve significar Arruda lotado para a partida contra o Feirense/BA no próximo sábado às 16:00.

Do lado rubro-negro o assunto é vitória, para isso o técnico Oliveira Canindé dispensou o treino coletivo, na intenção de poupar o preparo físico dos seus atletas, que enfrentam duras viagens pela região. Por isso, é bem provável que a escalação inicial do empate contra o Feirense se repita.

Detalhe para o trio de arbitragem que pela segunda vez consecutiva é do estado do Maranhão, apenas um ponto de alerta, tendo em vista a baixa qualidade da arbitragem da última partida Tricolor, com um gol legítimo anulado e um pênalte não marcado, em favor do Santa Cruz.

Invasão Coral em João Pessoa


A partida será transmitida pela Rede Globo Nordeste, mas a Grande Massa Coral promete comparecer em bom número na cidade de Campina Grande mais uma vez.


Data Horário Estádio Cidade
23/01/2013 22:15 Ernani Sátyro Campina Grande
Arbitro MAYRON F DOS REIS NOVAIS (MA)
Arbitro Assistente 1 GEISON MENDES DOS SANTOS (MA)
Arbitro Assistente 2 CARLOS ANDRÉ PERERIA DE SOUSA (MA)
Quarto Arbitro EDER CAXIAS MENESES (PB)
Assessor MIGUEL FELIX DE OLIVEIRA (PB)

Campinense: Pantera, Tiago Granja, Roberto Dias, Edvânio e Panda; Dedé, Wellington, Bruno Jesus e Bismarck; Zé Paulo e Jeferson Maranhense. Técnico: Oliveira Canindé

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Éverton Sena, César, Vágner e Tiago Costa; Anderson Pedra, Sandro Manoel, Natan e Renatinho; Flávio Caça-Rato e Philco. Técnico: Marcelo Martelotte.

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Vágner fala sobre o que é esperado contra o Campinense.

O Santa já sabe o que esperar para a partida contra o Campinense, na quarta-feira que vale pela segunda rodada da Copa do Nordeste, o zagueiro Vágner diz que o time assistiu alguns jogos da equipe adversária, e que foram identificados alguns pontos que precisarão de uma atenção especial, para o time coral conseguir sair com os 3 pontos da casa do Campinense e manter-se na liderança do grupo D.

- De primeira mão, já vimos alguns jogos deles e sabemos que é um time de qualidade. Eles não fogem muito do estilo de jogo daqui do Nordeste, que usa muito a força e a velocidade. Tem um atacante de área que a gente conhece. Mas ainda temos tempo para trabalhar com calma. Temos que ter muito cuidado com tudo o que envolve esse jogo.



Vágner fala que a equipe vem se acostumando ao jeito como Martellote escala o time, o novo jeito de atuar esta sendo bem aceito pelos jogadores.

- O simples, às vezes, é difícil de fazer no futebol. A gente vem conversando muito dentro da filosofia do Marcelo, para ajustar a marcação e ter cuidado com essas trocas de posição. Se errar, vamos pagar um preço caro. Estamos mais cautelosos, fazendo o simples com o ímpeto de ganhar. A ideia é essa.

O jogador enfatizou a vitória no Arruda diante do CRB, e disse que o caminho para o Santa Cruz conseguir passar de fase, é ganhando os jogos dentro de casa.

- Temos que nos impor, principalmente nos jogos dentro de casa. Claro que se nós ganharmos fora, nós vamos ter muito mais corpo. Temos que passar esse tipo de cobrança para quem está chegando agora. Dentro de casa há um diferencial, que é a torcida. Temos que suar muito para conquistá-los. Todos que estão no grupo têm essa consciência.

Santa Cruz faz um treinamento tático antes da viagem para a Paraíba


Na manhã de hoje terça-feira (22), o elenco do Santa Cruz fez um treinamento tático rápido e um rachão, em campo reduzido, antes da viagem para Campina Grande, onde jogará amanhã contra o Campinense, no estádio Renatão. No treinamento, o técnico Marcelo Martellote confirmou o time que jogará amanhã.

O time de colete (titular) foi o mesmo que jogou contra o CRB: Thiago Cardoso, Éverton Sena, César, Vagner e Thiago Costa; Anderson Pedra, Sandro Manoel, Natan e Renatinho; Philco e Flávio Caça-Rato. Confirmado pelo técnico Marcelo Martellote como o time que irá jogar amanhã contra o Campinense. O treinamento durou apenas cerca de 20 minutos.

Ao final do treinamento,  o treinador Marcelo Martellote concedeu entrevista.

Confira:



segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Análise da Rodada - Nordestão 2013 Rodada 01



Para quem estava com saudade do mais emocionante campeonato regional, enfim pôde matar a saudade. Por que ele já começou, a rodada começou nesse Sábado(19) e no Domingo(20), com jogos que não faltaram emoção e não sequer algum que não houve bola na rede.

Pelo grupo A os favoritos venceram, Ceará e Bahia, mas com muito sufoco, sem dúvida, e ambos dividem a ponta superior da tabela. O Ceará fez valer aquele velho ditado contra o ABC-RN: "a partida só acaba quando o juiz apita". Isso por que alvinegro cearense fez o gol ao apagar das luzes no PV, mais precisamente aos 48 minutos da etapa final, com Pingo. Já em Salvador o tricolor venceu pelo placar de 3x2 perante o Itabaiana, o time perdia por 2x1, mas depois de muita garra o time conseguiu a virada.


O grupo B foi o que reservou a maior surpresa até então, a vitória do Confiança sobre o tricolor cearense, por 3x0. O Sport foi até Sousa para fazer a sua estreia e por pouco já não começa o torneio perdendo. O time paraibano abriu o placar aos 19 minutos com o lateral direito Toti e o Leão conseguiu apenas o empate aos 43 minutos do segundo tempo, com um golaço de fora da área com o  atacante Roger.


Já no grupo C não houve surpresa  por que o Caracará pernambucano mostrou que é imbatível em seu recinto, o Cornélio de Barros (o famoso Salgueirão). Impondo a sua forte marcação e fazendo poucos gols, foi assim como de costume que o Salgueiro venceu o ASA com o gol solitário do nigeriano Yerien. O Vitória conseguiu em cima do América um feito único na primeira rodada da competição. Foi o único time que conseguiu vencer fora de casa. Nem mesmo a ajuda da torcida do Mecão foi o suficiente para evitar a derrota por 2x1 neste jogo realizado no domingo, no estádio Nazerão.


No grupo D, o Campinense e Feirense jogaram no Sábado, mas ficaram só no empate por 2x2, pelo menos foi a segunda partida que houve mais gol nesta rodada, perdendo só para o jogo do Bahia x Itabaiana. Sem dúvida o resultado foi mais significante para os paraibanos porque jogaram longe dos seus domínios.

Na última partida da rodada, porém a mais importante para nós Santacruzenses, depois duma pré-temporada conturbada, depois do amistoso contra o Chã Grande que o time coral não conseguiu desempenhar o quê se esperava. Logo aos dois minutos da etapa inicial o atacante Full HD, ou melhor, Philco, marcou o seu primeiro gol com a camisa tricolor. O destaque da partida foram os pratas da casa Renatinho e Natan (que voltava depois de sete meses sem jogar uma partida oficial.). Além disso a dupla de zaga Césa e Vágner junto com o volante Anderson, mostram que o Santa Cruz mostrará muita força e segurança no setor defensivo. O time alagoano não teve poderio ofensivo contra o Santa Cruz, mas teve no goleiro Tiago a sua melhor figura em campo. Audálio, que estreava no galo, foi expulso com poucos minutos. 


Neste mesmo jogo o Santa Cruz recebeu um troféu simbólico referente a sua incrível marca na média de publico. Em 2011 a sua torcida teve a 39º maior média do mundo e a 1ª do Brasil. Cravando o seu rótulo da "torcida mais apaixonada do Brasil." Para elevar esse triunfo foram representado toda a massa coral por alguns torcedores-símbolos.

Santa vence o CRB com méritos!


O cronômetro ainda marcava dois minutos quando o único estreante, o atacante Philco marcou o primeiro gol tricolor na temporada. Renatinho cobrou falta, a defesa alagoana falhou e o camisa 9 só teve o trabalho de dominar e encher o pé. 1x0.
O lance seguinte aumentou ainda mais as esperanças na equipe comandada por Marcelo Martelotte. Dessa vez, Renatinho bateu o escanteio na cabeça de Vagner, que testou forte para balançar as redes de Tiago. Entretanto, a arbitragem marcou falta do zagueiro do Santa.
A partir daí, velhos erros voltaram a acontecer. Passes errados, saída de bola precipitada e finalizações bizarras. Melhor para os tricolores que os problemas também foram recorrentes do outro lado. Jairo e Cristiano Brasília desperdiçaram as oportunidades de igualar o placar para o CRB. Pelo Santa, o apagado Éverton Sena, improvisado na lateral, ainda perdeu uma chance.
39ª maior média de público do mundo em 2011, alegria nas arquibancadas
O intervalo da partida foi marcado por festa. Relembrando a temporada 2011, quando os tricolores tiveram a maior média de público do Brasil e a 39ª do mundo, uma empresa homenageou o clube. E com direito a fotos e volta olímpica dos torcedores símbolos.
Bastou a bola rolar na segunda etapa para a festa arrefecer. Airton e Jairo, pelo CRB, Renatinho e Caça-Rato, pelo Santa, tentaram sem êxito (e sem trabalho para os goleiros Tiago Cardoso e Tiago).
O ponto positivo ficou na conta da postura defensiva do time pernambucano. Com a vantagem no placar, bastou esperar o fim da partida para uma nova comemoração nas arquibancadas do Arruda. O volante Audálio, do CRB, ainda foi expulso após cotovelada em Philco.
Ficha do jogo
Estádio do Arruda, Recife-PE
Santa Cruz: Tiago Cardoso; Éverton Sena, César, Vágner e Tiago Costa; Anderson Pedra, Sandro Manoel, Natan (Danilo Santos) e Renatinho (Renatinho); Philco e Flávio Caça-Rato (Luciano Sorriso). Técnico: Marcelo Martelotte
CRB: Tiago; Filipe (Ederson), Ednei e Rodrigão; Paulo Sérgio, Paulo Victor Paulista (Audálio), Airton, Jairo, Cristiano Brasília (Carlão) e Diego Aragão; Paulo Victor . Técnico: Heriberto da Cunha
Árbitro: Ranilton Oliveira de Souza (Maranhão)

Auxiliares: Sandro do Nascimento Medeiros e Aelson Mariano Campelo (Maranhão)
Cartões Amarelos: Paulo Victor Paulista, Airton, Filipe (CRB)
Cartão Vermelho: Audálio (CRB)
Gol: Philco, aos 2 minutos do primeiro tempo (Santa Cruz)
Público: 24.287               
Renda: R$ 281.210,00