sexta-feira, 30 de março de 2012

APÓS SUSPENSÃO, BALA É UMA DAS ‘ARMAS’ PARA O CLÁSSICO

No último jogo contra o Náutico, Carlinhos Bala foi um dos jogadores mais importantes do Santa Cruz. Deu o passe para Flávio Recife marcar o primeiro gol e acabou fazendo ‘sombra’ para Eli Carlos marcar o segundo gol Coral (contra). Além disso, mostrou um grande futebol, mesmo saindo machucado, na ocasião.

No histórico do atleta, com a camisa Coral diante do Náutico, o atacante quase sempre atuou bem e fez gols. Voltando de suspensão, pelo terceiro cartão amarelo, o jogador está à disposição do treinador Zé Teodoro.

Mesmo com um bom retrospecto, Carlinhos Bala adotou um discurso humilde e não prometeu gol. Mesmo porque, nem sabe se vai jogar como titular. “Atacante vive disso, de gols. O importante é estar bem posicionado e saber aproveitar as oportunidades”, disse, sem querer polemizar nas declarações.

Se existe algo que é perceptível nessa passagem do baixinho pelo Santa Cruz é o estilo moderado que ele adotou em seus discursos. Nesta quinta-feira não foi diferente. “Não tenho raiva do Náutico. Não tenho mensagem para a torcida alvirrubra. É um clássico normal para mim”, disse minizando algumas perguntas que poderiam gerar declarações polêmicas por parte do atleta.


Um comentário:

  1. se ele ñ bricar muito da pra gente vencer eles

    ResponderExcluir

Qualquer crítica que não seja construtiva será excluída.